Farmácias em SP oferecem vacinação gratuita contra Influenza

Publicado em 15 de abril de 2020 às 12:25

Para evitar aglomerações e possibilitar o maior alcance, a Prefeitura de São Paulo habilitou 32 farmácias e drogarias privadas para oferecer a vacinação gratuita contra Influenza. Esses locais serão utilizados como postos fixos (extramuros) durante a campanha nacional de imunização. Confira aqui a relação de farmácias e drogarias onde haverá vacinação.

As equipes e insumos são do Sistema Único de Saúde (SUS), segundo critérios definidos pelo Ministério da Saúde.

A vacina contra Influenza não protege do coronavírus, mas vai auxiliar os profissionais de saúde no diagnóstico para a COVID-19 ao descartarem os vários tipos de gripe na triagem da população vacinada.

A imunização também acontece em todas as unidades de saúde do município de São Paulo. Encontre no Busca Saúde a unidade mais próxima de sua residência.

Veja a relação dos grupos prioritários:

1° etapa – 23/03 – Idosos (60 e + anos) e trabalhador da saúde. Forças de segurança e salvamento (30/3)

2° etapa – 16/04 – Pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, caminhoneiros, motoristas de transporte coletivo e portuários, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional

3° etapa – 09/05 – Professores de escolas públicas e privadas, crianças (6 meses a menores de 6 anos), gestantes, puérperas, povos indígenas, adultos de 55 a 59 anos de idade, pessoa com deficiência.

Compartilhe essa notícia
Leia também
Maceió muda de fase e parte do comércio reabre
As praias de Fernando de Noronha já estão abertas
São Paulo vai multar pessoas sem máscaras nas ruas
ANS obriga planos de saúde a incluir testes de COVID-19
Governo destina R$5,5 milhões para saneamento básico
Uso obrigatório de máscaras foi aprovado pela Câmara
Rio: lei estabelece novas regras para serviços de delivery em condomínios
Capital paulista em 52% de isolamento social
Óticas de Brasília reabrem atendimento presencial ao público
Fecomércio-DF orienta consumidores a apoiar as empresas da cidade